12/09/2007

Ausência


Foto: Paulo Madeira



O tempo suturou as feridas da alma, secou o manancial de lágrimas que jorrava insistentemente desde que ele se fora. Nada lhe agradava além do mundo criado em alucinados devaneios. Seguia desprezando tudo que é corpóreo porque fere. Pintou a memória com as cores mais claras para se guiar no breu que inunda seu interior. Prisioneira imaginária de algo que o tempo enterrou. Oca, vazia até dela mesma, persistindo na insana fuga das mazelas trazidas por sentimentos desprezados. Não vislumbrava o sol que chamusca raios por entre as frestas das janelas de jatobá. Tampouco percebia na noite escura uma estrela que seja a brilhar. Luz que viria de seus olhos, cegos pelo vácuo da ausência e vermelhos como se destilassem sangue ao invés de fulgurar e brindar o sentir, ainda que dores de amores. Festejar a vida, mesmo sofrida. Mas ela, indiferente, peregrina pelo quarto, morada de sua quimera.

11 comentários:

ro druhens disse...

Gostei mesmo, muito, mas queria perguntar uma coisa: aquele monte de verbos da primeira conjugação é proposital, ou é vício de poeta? E esse comentário é só entre nós, beijo

Poliedro disse...

Minha simpática Amiga:
Escreve com uma Alma adornada na realidade e imensa significação do que sente e vive, com palavras reais e que constata.
O tempo parece parar para reflectir o que jorra de si. Observa-a a cada momento, a cada instante.
Creio que existe a ausência de um amor em si.
Acredite que é uma ausência derrotada pelo carinho e significado que lhe dá. É fugaz porque vai regressar. Só pode.
Excelente prosa poética.
Adorei o verter de palavras feitas de sincera realidade visível de si e em quem a lê.
Continue, por favor.
Serei um eterno admirador do que sente, vive e é.
Adorei!
Beijos amigos de respeito e muita estima
pena

Fernanda Passos disse...

Pena: Adoro seus comentários. E fico feliz por te ver sempre aqui. Aliás, vc é um dos poucos leitores que tenho nesse blog. Obrigada.

Ro: kkkkkkkkkkkkkkkkk. Fiz de forma proposital Mas vc sabe que sou uma mera infanta na arte de prosear. Me ajuda? Como ficaria melhor? Tenho seguido seus conselhos. Beijos.

O Profeta disse...

Magistral, a tua forma de escrever, se isto for a expressão do teu sentir, então estaremos perante um ser muito especial...


Doce beijo

benechaves disse...

Oi, Fernanda: na prosa 'se ela soubesse...', uma estupenda imagem em interação com uma bela narrativa. E na 'ausência', mais uma demonstração de uma prosa-poética nos meandros da imaginação. Ou de uma realidade fugitiva.
Olha: vc recebeu alguns poemas que te enviei por email? Pergunto porque vc, no início, não tinha recebido um primeiro contato, lembra?

Um beijo de carinho e presente...

Poliedro disse...

Simpática e doce Amiga:
Tudo o que escreve jorra de si admiravelmente.
Que poderei dizer mais?
Admiro-a muito e sinto que nenhum conselho será significativo para uma poetisa tão deslumbrante e terna que coloca tudo e, tudo revela, com encanto no seu notável Ser.
Um Bem-Haja sincero pelo que é.
Obrigado por depositar no que sou um sentimento que é recíproco.
Abraço amigo e de muita estima
pena

BRUNO LEONARDO disse...

Oi,linda
Lindíssimo..vc fez da sua prosa poesia...e lindamente!Imagino o que não fez lá nas poesias...Vou checar,sem dúvida!
Obrigado pela visita..volte sempre e está linkada!!
bjs

Poliedro disse...

Penso que o meu último comentário era destinado a outra pessoa, mas enfim...
Desculpem-me! Por vezes, sou muito inconvente, talvez, motivado pela ingenuidade que me abraça inconfortavelmente sempre.
Que hei-de fazer?
Desculpem!
Beijos com afecto
pena

aLêeee disse...

uôooooooooooooooooooooooooooooou

eh a coisa mais complexa e linda q eu ja lii, de verdadee!!
eu nunca pensaria em algo do tipoo!

citadinokane disse...

Fernanda,
Passos firmes na prosa, gostei muito do que li, e espero não te perder de vista, ok?
Abraços poetisa da terra de Papete,
Pedro

R Lima disse...

O tempo concerta tudo.. a ausência limita e destrói...


Sua alma é bela moça tanto em prosa como em poesia..

Tens o singelo e cativante poder das palavras..

Parabéns!!!



[ http://oavessodavida.blogspot.com/ ]

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...